Incêndio no centro de treinamento do Flamengo deixa dez mortos e três feridos

Dez pessoas morreram em um incêndio que atingiu um alojamento no centro de treinamento do Flamengo, localizado na Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro, na manhã desta sexta-feira, 8. O fogo destruiu instalações onde dormiam atletas de 14 a 17 anos que não moravam no Rio.

O incêndio começou por volta das 5h10 e foi controlado às 6h10 (horário de Brasília). O corpo de Bombeiros informou inicialmente que todas as vítimas eram adolescentes, mas isso não foi confirmado. Os corpos ainda não foram identificados.

Outros três adolescentes ficaram feridos e foram encaminhados até um hospital: Cauan Emanuel Gomes Nunes, de 14 anos, Francisco Diogo Bento Alves, 15 anos e Jonathan Cruz Ventura, também de 15 anos. O último foi levado às pressas para o centro cirúrgico com 40% do corpo queimado.

Mães de jogadores informaram que o treino desta sexta-feira tinha sido cancelado, com isso, os jovens que moram no Rio foram liberados para dormir em suas casas. Por essa razão, apenas os atletas que são de outras cidades passaram a noite do centro de treinamento.

Além das categorias de base, o time profissional do Flamengo também treina no Ninho do Urubu, no bairro de Vargem Grande, na Zona Oeste da cidade. Essa região foi uma das mais afetadas com o temporal da última quarta-feira (6). O centro de treinamento continuava sem luz e sem água desde a chuva forte.

Informações do Portal G1