Em sessão acalorada, vereadores aprovam projetos e rebatem acusação grave

Reprodução

Projetos de extrema relevância para a cidade de Itagimirim foram aprovados na sessão ordinária da Câmara Municipal ocorrida nessa segunda-feira, 12. Além disso, os vereadores rebateram de forma contundente uma acusação feita nas redes sociais destinada aos vereadores.

Com presença dos nove vereadores, foi aprovada unanimemente, o projeto da Lei Orçamentária Anual para o ano de 2020 apresentado pelo Poder Executivo Municipal.

Também apresentado pelo Executivo, foi aprovado o projeto que autoriza a Fazenda Pública Municipal a instituir o Programa de Recuperação Fiscal (Refis).

Outro projeto aprovado foi o de atribuição do CET- Condições Especiais de Trabalho aos cargos em comissão ou função de confiança para servidores públicos municipais.

O projeto do executivo de autoria do vereador Márcio Carvalho, sobre a doação de terrenos à pessoas de baixa renda, tendo, no máximo 350 m², foi aprovado por seis votos a dois.

Durante os discursos na tribuna, os vereadores rebateram enfaticamente críticas feitas por uma professora da rede municipal, utilizando uma rede social, que mostrou sua indignação contra a retirada de alguns profissionais das salas de aula e sua substituição por pessoas, supostamente, despreparadas para a função.

A professora ainda acusou alguns vereadores de se valerem de ‘conchavos’ políticos buscando favorecimentos pessoais. A reação dos edis foi enérgica, inclusive com pedidos para que o Executivo tome providências sobre a questão.

Por fim, a prefeita foi alvo de elogios, pela grande maioria dos vereadores, pela postura como vem conduzindo a administração do município.