Internado com Covid-19, Paulo Dapé é transferido para São Paulo

Transferência foi iniciada na tarde desta quarta. (Radar64)

Internado com Covid-19 desde o dia 22 de novembro, o ex-prefeito de Eunápolis, Paulo Dapé, foi transferido na tarde desta quarta-feira (02/12) para o hospital privado Vila Nova Star, da Rede D’or, em São Paulo.

No início da manhã, Dapé passou a usar um ECMO, que, na sigla em inglês, significa oxigenação por membrana extracorpórea. O aparelho, que foi trazido da capital paulista, substitui as funções do pulmão.

O político foi levado em uma ambulância até o aeroporto de Porto Seguro, a 64 quilômetros de distância, de onde embarca em um voo privado para o hospital na capital paulista.

A transferência é liderada por uma médica que veio especialmente de São Paulo na noite de terça-feira (1º/12). Foi ela que também realizou o procedimento de instalação do “pulmão artificial”.

Mulher de Paulo Dapé, a prefeita eleita de Eunápolis, Cordélia Torres (DEM), 46 anos, também foi diagnosticada com o coronavírus. Ela teve sintomas leves, chegou a ficar internada no Hospital Ames, mas já recebeu alta.

Paulo Dapé participou ativamente da campanha eleitoral de Cordélia Torres, cuja diplomação pela Justiça Eleitoral já está marcada a manhã do dia 16 de dezembro, no Salão do Júri do Fórum Desembargador Mário Albiani.

Paulo Dapé

No fim do mês passado, Cordélia havia nomeado Paulo Dapé para coordenador a equipe de transição do governo municipal. Acometido pela doença, ele nem chegou a participar do processo.

Dapé foi deputado estadual pelo antigo PMDB entre os anos de 1995 e 1996. Neste último ano, ele deixou o cargo para disputar a prefeitura de Eunápolis. Eleito, ele administrou o município entre 1997 e 2000. Dapé chegou a disputar a prefeitura outras duas vezes, em 2004 e 2008, mas não obteve êxito.

Informações: Radar64